Marco Antonio na Notícia

unisite

 
 

           Principal

           Saúde do Homem

           Saúde da Mulher

           Saúde Infantil

           Saúde Alimentar

           Saúde com Atividade Física

           Saúde Bucal

           Saúde Ambiental

           Saúde e Ciência

           Entendendo as Doenças

           Saúde de Tupã

           Saúde Animal

           Saúde Cidades

           Dengue Brasil

           Saúde Especialistas

 
 
 

marcoantoniodetupa@ig.com.br

 

Celular: (14) 9742-5787

 

Rua Parecis, 85 - Centro

Tupã SP - CEP 17603-070

00:00:00

Cabonnet

Inaugurada, UPA do Mary Dota inicia atendimento nesta segunda-feira

Foto 1

Em solenidade realizada na tarde desta sexta-feira, 15, o prefeito Rodrigo Agostinho e o Secretário Municipal de Saúde, Fernando Monti, entregaram as obras da UPA Mary Dota. O atendimento ao usuário tem início nesta segunda-feira, 18/07, a partir das 7h.

A cerimônia contou com as presenças dos secretários municipais Richard Vendramini (Administração), Zito Garcia (Agricultura), Elson Reis (Cultura), Paulo Ferrari (Desenvolvimento Econômico), Giasone Candia (Gabinete), Rodrigo Said (Seplan), representantes das secretarias municipais de Obras e DAE. Também estiveram presentes, a Diretora da Divisão Regional de Saúde de Bauru – Doroti Conceição Vieira Alves Ferreira, os vereadores Roberval Sakai (presidente da Câmara), Moisés Rossi, Francisco Carlos de Góes (Carlão do Gás), Paulo Eduardo de Souza, Luiz Carlos Bastazini (Carlinhos do PS), Roque Ferreira, Fabiano Mariano, Fernando Mantovani, Gilberto dos Santos (Giba), Natalino da Silva, o assessor Amauri Roma representando o vereador Renato Purini, o assessor Arnaldo Ribeiro representando o deputado federal Arnanldo Jardim, além do ex-prefeito Nilson Costa, os ex-vereadores Majô Jandreice e Isaias Daibem, o diretor do Departamento de Urgência e Unidades de Pronto Atendimento – Luiz Antonio Bertozzo Sabbag, a presidente do Conselho Gestor da Unidade Básica de Saúde do Mary Dota – Maria Leal Gomes, usuários dos serviços de saúde da região do Mary Dota, funcionários das várias secretarias envolvidas no processo de construção da UPA, além da Saúde, como Finanças, Seplan, Obras, Negócios Jurídicos, dentre outros convidados.

A UPA Mary Dota é a primeira das quatro unidades em construção pela atual gestão. As UPAS estão sendo instaladas de forma estratégica em regiões diferentes da cidade. As outras unidades estão localizadas no Jardim Bela Vista, Geisel/Redentor e Vila Ipiranga.

A implantação das quatro UPAs tem como objetivo viabilizar a funcionalidade e otimização do atendimento, além do que o projeto arquitetônico valoriza a necessidade de proporcionar espaços mais amplos e agradáveis aos usuários.

Além disso, o processo é o início da implantação dos Complexos Regionais de Saúde, que contarão, além da própria UPA, com unidade do SAMU, Unidade de Assistência Farmacêutica e, no futuro, Unidade de Atendimento Domiciliar e Núcleos de Apoio à Saúde da Família.

A presidente do Conselho Gestor da Unidade do Mary Dota, Maria Leal Gomes, agradeceu a entrega da obra dizendo que há muito o que ser feito na saúde de Bauru, destacando o trabalho do atual secretário e prefeito na busca das soluções. “Nada é resolvido do dia para a noite. Há problemas crônicos na saúde, mas está havendo também o trabalho na busca da solução, como o de outros problemas. A atual gestão já entregou 19 escolas, busca solução para o grande viaduto, para o tratamento do esgoto, em breve será entregue nossa creche no Jardim Chapadão e o PSF quando chegar ao Mary Dota também trará muitos benefícios à população. Ninguém há anos faz tanto por Bauru. Hoje é apenas o início de uma luta. Temos que ser pacientes e somar”, concluiu agradecendo. A usuária do sistema de saúde da região, Vanilde Rodrigues, de forma tímida, pediu para fazer uso da palavra e em uma frase fez questão de agradecer a obra na presença de todos.

O diretor do Departamento de Urgência e Unidades de Pronto Atendimento, Luiz Antonio Sabag, explicou o projeto dos complexos regionais de saúde para inverter o modelo de atendimento. “Esse sonho começa a se tornar realidade”, finalizou.

A diretora da Divisão Regional de Saúde de Bauru (DRS6), Doroti Conceição Vieira Alves Ferreira, destacou que a UPA Mary Dota não era somente a primeira da administração municipal, mas também da abrangência da regional de saúde. “É mais um equipamento para organizar a rede de urgência. Estamos felizes, honrados e orgulhosos e queremos cumprimentar pela importância desse serviço. Quero parabenizar ao prefeito, ao secretário e à população que ganha este presentes”, disse.

O secretário Fernando Monti explicou que a UPA do Mary Dota é um marco importante na reformulação que está sendo feita pela atual gestão no sistema de saúde de Bauru. Destacou que a rede de UPAs é um marco importante, mas não é o todo do projeto. Reafirmou que também está em andamento um investimento pesado na rede de atenção básica, e que a urgência e emergência foi só o início do processo. Agradeceu o trabalho das várias secretarias para oferecer o atendimento com qualidade e a dignidade que a população merece, por isso o Plano Municipal de Saúde que está em andamento. “Há muita coisa a ser organizada. A rede de UPAS é só o começo do processo. Desencadeamos outras diversas ações que visam à complementação desse plano, baseado no plano de governo do prefeito e nas sugestões apontadas pela população na 5ª Conferência Municipal de Saúde. E já encerramos a 6ª Conferência Municipal e pelo que foi apresentado, estamos no caminho certo das necessidades apontadas. O Plano Municipal de Saúde é um plano dos funcionários da saúde, da população e não do secretário”, enfatizou Monti que encerrou seu pronunciamento com homenagens a três servidores municipais que se empenharam diariamente no projeto da UPA Mary Dota: a enfermeira Laudicéia, da SMS, e os engenheiros Fernando (Sec. de Obras) e Júlio (Seplan).

O vereador Paulo Eduardo de Souza falou em nome dos vereadores presentes e do presidente do Legislativo. Como médico, servidor municipal, e vereador ressaltou que saúde é o maior bem de todos. “Hoje temos materializado sonhos e compromissos assumidos. É o começo de uma nova fase, de humanização da saúde. Falta muito na saúde do país, mas nesta gestão, saúde é absoluta prioridade. Parabéns por esta conquista da população”, concluiu.

O prefeito Rodrigo Agostinho reiterou a proposta do Plano Municipal de Saúde, que engloba várias etapas. “O projeto teve início com a reestruturação da própria secretaria, o plano de cargos e salários que vem sofrendo os ajustes pontuais necessários, a proposta da Fundação Pública, os prédios da rede básica que passarão por reformas, a ampliação das equipes do Programa de Saúde da Família que até o final da gestão deve saltar de 7 para 33 e não mais para 26 como previsto inicialmente, as UPAs, a proposta dos leitos que não é para internações longas, mas para humanizar o atendimento do paciente que aguarda vaga para internação, a frota que está sendo adquirida para os diversos serviços da Secretaria com o intuito de eliminar o que está sucateado, o projeto dos Complexos Regionais com UPA, SAMU, Farmácias Populares, enfim, a Prefeitura está trabalhando para melhorar a qualidade de vida da população e quanto ao atendimento, vamos contratar o número de profissionais que for necessário para atender a população com o respeito que ela merece”, finalizou o prefeito agradecendo a participação e a presença de todos.

A UNIDADE

O projeto da UPA Mary Dota, de autoria da Secretaria Municipal de Planejamento, considerou o aproveitamento do prédio já existente, onde funcionava a Unidade Básica de Saúde do bairro.
O prédio recebeu reformas e ampliações que somadas à área já construída passou de 531,83m2 para 1000,00 m2, numa área total de 1692,00 m2 . O valor total da obra foi de R$ 1.836,383,80 e a construtora responsável, a Rio Obras Material de Construção.

Esta Unidade conta com 11 leitos, uma equipe de 84 funcionários dos setores de atendimento, enfermagem, assistência social, radiologia, administrativo, serviços gerais e nutrição, que se revezarão entre os turnos que somarão 24h, sendo 02 médicos clínicos gerais a cada turno de 12 horas. A capacidade total de atendimento é de aproximadamente 300 pessoas por dia.

As UPAs deverão funcionar em regime de 24h, com dependências e equipamentos adequados para atendimentos de urgência e emergência. Todas as Unidades de Pronto-Atendimento terão tecnologia diagnóstica mais avançada, como equipamentos de Raio- X.

Em princípio, a UPA Mary Dota atenderá a usuários com idade acima de 12 anos e as crianças menores deverão continuar a serem encaminhadas ao Pronto Atendimento Infantil, na Rua Rubens Arruda qd 07. De acordo com a Secretaria, futuramente o atendimento infantil deverá integrar os serviços da Unidade do bairro.

A Unidade Básica de Saúde Mary Dota continuará funcionando no mesmo endereço para atendimentos agendados, no prédio da Regional do Bairro, na rua R. Issat Muhummad Saaed, s/nº. A Secretaria prevê a entrega de um novo prédio para a Unidade Básica de Saúde, próxima ao prédio da UPA, para o ano de 2012.


Voltar

Parceiros

tapuias

marcusvinicius

pharmacotecnica

dim dim

labormed

ebano

tupaimoveis

celimo igui varejao

 (C) 2010 - Marco Antonio na Notícia

Desenvolvimento: PontoSite!